Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Douglas Finger’ Category

pura e simples...

Como a água: pura e simples...

Deus fortalece e prepara para as batalhas da vida, todos aqueles que o buscam em espírito e em verdade.

Muitas vezes, a nossa limitada entrega de nós mesmo nas mãos amorosas de Deus, faz com que Ele se torne incapaz de agir por meio de nós. Estabelecemos um limite para Deus agir em nós, e isto é fruto da presença do Inimigo em nossas vidas! Não nos deixemos conduzir pela cegueira! Sabemos que Deus se revela aos pequenos e somente os puros de coração é que verão a Deus. Portanto, se não nos deixamos ser conduzidos pelo Espírito prometido do Pai, jamais seremos capazes de nos entregarmos por completo nas mãos do Senhor.

Todavia, devemos ter a dimensão de que a entrega de nós mesmo aos cuidados de Deus, não é realizada uma única vez: ao contrario disso, a nossa entrega deve ser contínua; e todas as ações do nosso dia devem estar mergulhadas na Misericórdia de Deus. É somente pela Sua graça que seremos salvos! Deus insiste que confiemos tudo aquilo que somos – corpo, alma e espírito – em sua infinita bondade. Pois ele acredita que nós, por meio da tua graça, seremos capazes de vencer todos os obstáculos da vida que ainda nos impedem de provar da salvação de Deus!

Firmados na certeza de estarmos sendo conduzidos por aquele cujo nome é Santo, sejamos também nós um contínuo vir-a-ser santos, pois é esta a vontade de Deus!

Livres de nós mesmos e das nossas corrompidas vontades, em todos os momentos, saibamos dizer assim como Maria disse diante do anjo do Senhor: eis aqui a escrava do Senhor, faça-se em mim segunda a vossa Palavra. Obedientes em todos os momentos à Palavra de Deus, revestidos do poder do Espírito Santo, sejamos livres para amar e a Deus seguir, pelos séculos sem fim. Amém

Read Full Post »

Jesus pede insistentemente, ao longo de todo o evangelho, para que permaneçamos em seu Caminho que nos conduz à vida! Quem ama a Deus é aquele que cumpre seus mandamentos, sobretudo nas mais angustiantes tribulações, para a honra e glória do Senhor! Devemos, portanto, glorificar a Deus com nossa vida, em uma completa entrega, manifestando o seu divino amor em todas nossas atitudes.

Como diz São João em sua primeira carta: “Nisto são reconhecíveis os filhos de Deus e os filhos do diabo: todo o que não pratica a justiça não é de Deus, nem aquele que não ama o seu irmão”; e acrescenta “ Todo aquele que permanece nele, não peca. Todo aquele que peca não o viu nem o conheceu”. Daí se pode retirar a importância da perseverança em Cristo. Pois é através dela que Deus manifestará a sua glória enchendo-nos com sua graça e concedendo-nos aquilo que pedirmos a Ele, se for agradável à Sua soberana vontade!

Porém para isso, meus irmãos em Cristo, sem a força do Espírito, nada conseguiremos fazer! (cf. At 15, 9). Deixemos de lado aquele nosso espírito de orgulho e egoísmo, pois Deus é bem objetivo ao afirmar que não será por nossas próprias forças que seremos capazes de produzir verdadeiros frutos! Pelo contrário: “Quem permanecer em mim e eu nele, esse dará muitos frutos, pois sem mim nada podeis fazer” (Jô 15, 8)!

Para concluir, esse nosso Deus de amor nos diz uma linda frase, demonstrando sua ternura e misericórdia para com todos nós, transformando o amargo da pesada cruz, em o gosto doce da vida: “Eu vos disse isso, para que a minha alegria esteja em vós, e a vossa alegria seja completa.” !

Ó Senhor, Deus de misericórdia e bondade, sede nos propícios e atendei nossa prece, pois é a vós que recorremos! Queremos servir-vos e glorificar-vos com nossa vida! Nos transforme com o seu precioso amor, afogando na sua infinita misericórdia, ó Deus da vida, a nossa miséria e tibieza na perseverança, hoje e em todos os dias de nossa vida. Que assim seja! Amém.

Read Full Post »

vide Mc 9, 14-29

Durante a nossa caminhada espiritual com Jesus, muitas são as vezes que somos colocados à prova. Como não sabemos como e nem quando seremos provados, resta-nos apenas a prudência. Esta, indispensável virtude do autêntico Cristão, representa toda a cautela e zelo que devemos ter em relação à nossa vida piedosa. Com efeito, é na fiel vivência do discernimento, base fundamental de toda prudência, é que caminharemos com os pés firmes no chão, rumo ao Céu.

Deus quer nos dar a verdadeira Sabedoria que vem do alto, pois sabe que é somente com Ela que perseveraremos até o fim e seremos salvos (cf. Mc 13, 13b). Quer também encher de pureza e misericórdia o nosso coração. Mas, confessemos nós agora, quantas são as vezes que nós deixamos ser possuídos por um espírito surdo e mudo (Mc 9, 25), no decorrer de nossa caminhada? Muitas vezes nos fazemos de cegos às obras de Deus e voltamos os nossos olhos para o pecado! Deixamos de escutar os conselhos dos sábios e nos deleitamos com as vozes daqueles que se alegram com o que é perverso! Ó miséria imensurável a nossa! Deus repetidas vezes utiliza de pessoas próximas a nós, para nos alertar da nossa falta de discernimento e muitas vezes não nos importamos com isso!

Demostra uma verdadeira contrição de seus pecados aquele que, depois de cair, mesmo com aspecto de morto, levanta-se segurando na firme mão de Deus (cf. Mc 9, 26), com os olhos bem abertos e ouvidos destapados, prontos para ouvir à voz do Bom Pastor que exclama com muito amor: ” Espírito surdo e mudo, sai deste menino e não tornes a voltar! ”

Para que este milagre aconteça, precisamos da fé. E é isso o que nos basta, pois confiamos que tudo é possivel para aquele que crê (Mc 9,23). Ter FÉ em Deus é estar mergulhado na Sua graça em todos os momentos. É viver em vigilância constante, colocando em prática os ensinamentos que a Divina Sabedoria nos inspira. Enfim, é fazer da vida uma fiel oração! Portanto façamos nós a nossa parte, pois, com toda certeza, Deus a dele fará! Amém.

Read Full Post »

” Vinde a mim vós todos que estais cansados e carregados de fardos, e eu vos darei descanso. Tomai sobre vós o meu jugo e sede discípulos meus, porque sou manso e humilde de coração, e encontrareis descanso para vós. Pois meu jugo é suave e o meu fardo é leve.” (Mt 11, 28-30)

O Senhor Todo-Poderoso manso e humilde de Coração, é ele quem nos convida para nos abandonarmos por completo em seu amor misericordioso. Pois, é dando-nos à nós mesmo, em uma sincera entrega, que o Espírito do Senhor usará de nossas vidas, para propagar a sua divina misericórdia, à todas as pessoas!

Nada se compara em ser revestido da armadura da graça e viver um dia após o outro, mergulhado no infinito amor acolhedor que emana do Coração de Jesus! É confortável carregar o leve fardo que Deus nos coloca, pois é o fardo da vida. Saber sofrer e aceitar às provações com fé, se faz necessário para aquele que se propõe a AMAR!

Vem Senhor e fica comigo! Dá-me profunda e constante devoção ao teu Sacratíssimo Coração! Dá-me, ó Mestre, o dom da misericórdia, da humilde paciência e também o do amor!

Renova em mim a sua graça e poder! Perdoa os meus pecados e afoga minha miséria em sua infinita bondade! Ó Pai! Que somente a Vós seja dada toda glória e louvor. Emudecem diante de ti, todas as línguas caluniosas e soberbas! Que em mim seja transparecida a tua mansa compaixão. Faça-me um dócil instrumento do teu amor em todos os lugares em que eu estiver. Que lá Senhor, Tu também estejas e que a Tua Palavra sejas anunciada a todas as criaturas até o fim dos tempos, pelos confins da Terra! Amém.

Read Full Post »